quarta-feira, 3 de julho de 2013

Enter the Void


Perguntei ao Leonardo "Vilão" Miranda, qual o único casal de animais que Moisés não conseguiu levar para a Arca!?
Ele pensou, pensou... e com um sorriso maroto respondeu: "Pegadinha (risos)... foi Noé..."
Chateado e com raiva pela minha tentativa de charada bíblica, me indicou o filme Enter the Void, produção de 2009 (Fra / Ale / Ita / Can) dirigida por Gaspar Noé
; )



Oscar (Nathaniel Brown) mora com sua linda irmã, a Linda (Paz de la Huerta), em Tóquio. É amigo de Alex (Cyril Roy), que também acha Linda linda e que lhe apresenta as drogas e o livro "O Livro Tibetano dos Mortos", livro este que, assim como as drogas, fazem Oscar, literalmente, viajar.
Dj, mas atuando como traficante, Oscar morre numa emboscada enquanto "trabalhava" e a partir daí "viajamos" com sua alma através da câmera espiritual que o Gaspar Noé nos proporciona.



Enter the Void tem
influência filosóficas e visuais de filmes como 2001 - Uma Odisséia no Espaço, Tron, Blade Runner, e o que mais inspirou o diretor Gaspar Noé, A Dama do Lago, produção de 1947 do diretor Robert Montgomery, onde temos a visão em 1ª pessoa do personagem principal.


Se Enter the Void fosse um game, seria a versão Kinectiana do filme Trainspotting - Sem Limites, estrelado pelo Ewan McGregor.



Queria poder dizer que a obra de Gaspar Noé, sim é fácil de assistir, mas não... não é... o filme tem ritmo arrastado e cenas psicodélicas que não aconselho para um epiléptico, contudo é um filme muito interessante com sequências que mereceram elogios até de Quentin Tarantino referindo-se aos créditos iniciais e outras cenas que não posso descrever devido ao horário, mas garanto que são fod@ ;)



Fontes:
http://migre.me/fiB24 (www.thescifiworld.com);
http://migre.me/fiB3J (www.ornitorrincocinefilo.blogspot.com);
http://migre.me/fiB5h (http://pt.shvoong.com)

2 comentários:

  1. DJ você "brocou" em seus comentários hein? Acho até que foi efeito de ter assistido o filme, não foi não? Eu estou até agora tentando entender a relação entre a "pegadinha" e a indicação emblemática de nosso estudioso de músicas "neo" Leonardo Vilão. Seria por conta do direror Noé? Aff, fiquei-me sentindo-me totalmente-me burra-me (rsrsrs) Portanto, terei que ver o filme para entender melhor sua crônica, que está totalmente Felini, Mussolini... ( será que preciso ver mais filmes de arte?)

    ResponderExcluir
  2. :)

    Lú sugestões para assistir "Enter the Void":
    1 - Estar sem sono;
    2 - Assistir no período diurno;
    3 - Tomar café a cada 45 minutos de filme;
    4 - Não fazer uso de nenhum tipo de remédio e/ou droga;
    5 - Não ser epilético.

    \o/ ...é ou "não é"!? \o/

    ResponderExcluir

Deixe Seu Recado!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...